Carlos Fernandes sai do Hell’s Kitchen

Carlos Fernandes saiu, domingo, 27 de fevereiro, do programa Hell’s Kitchen Portugal.

Depois de mais um serviço que correu mal à Equipa Vermelha, onde Carlos Fernandes estava integrado, o concorrente terceirense acabou por sair do Hell’s Kitchen Portugal por ter assumido que tinha sido ele o pior elemento da equipa nessa noite em que começou por liderar a cozinha.

Na despedida emotiva do programa, Carlos Fernandes foi elogiado pelo chef Ljubomir Stanisic que realçou as suas qualidades humanas – “És um homem com H grande”, disse.

O terceirense Carlos Fernandes foi um dos 17 concorrentes do Hell’s Kitchen Portugal, cuja segunda edição começou a 2 de janeiro, na SIC.

Aluno da Escola Profissional da Praia da Vitória, Carlos Fernandes conquistou a Medalha de Ouro, na categoria de Cozinha, no Azores Worldskills de 2016 e a Medalha de Prata no Portugal Worldskills 2016.

Trabalha como chef do Partilha Gastrobar, localizado no centro histórico de Braga.

Deixe uma resposta