Mês: Maio 2019

Queijadas da Graciosa

Conhecidas noutros tempos como Covilhetes de Leite, as Queijadas da Graciosa são hoje uma das principais referências da doçaria da “Ilha Branca”. O doce era presença habitual entre a iguarias confecionadas para os dias de festa nas casas da ilha Graciosa. Nos últimos anos, as Queijadas da Graciosa são feitas numa unidade familiar na freguesia …

Molho à pescador

Embora seja comum a outras ilhas com comunidades piscatórias com alguma expressão, o Molho à Pescador é uma das principais referências gastronómicas da ilha Graciosa. Trata-se de uma receita que é comum confecionar-se, quer a bordo das embarcações de pesca de maior porte e também em terra, onde o peixe cozido, de preferência em água …

Arroz doce

Com variantes no que se refere aos ingredientes, o arroz doce é uma sobremesa secular comum em quase todas as regiões de Portugal. No caso dos Açores, o arroz doce destaca-se nas celebrações em honra do Divino Espírito Santo sendo o último prato servido na Função após as Sopas com o cozido e a Alcatra. …

Alcatra de carne

Não existem certezas sobre as origens da Alcatra mas tudo indica que a sua confeção remonta a tempos próximos dos povoamento da ilha Terceira, trazida por gente que veio do centro e norte de Portugal continental onde existe em algumas zonas um prato com um processo de confeção semelhantes – a Chanfana, em que é …